opel-insignia-grand-sport-304398

Opel Insignia da nova geração já tem 100.000 encomendas

  • Equipamento completo e tecnologia avançada
  • Custos de utilização moderados
  • Popularidade no mercado tem paralelo com sucesso mediático

Menos de um ano volvido sobre o lançamento da nova geração Insignia no mercado, a Opel já registou a entrada da encomenda número 100.000 do modelo. Produzido na fábrica da sede da marca, em Rüsselsheim, Alemanha, o novo Opel Insignia existe nas variantes Grand Sport (berlina), Sports Tourer (‘station wagon’) e Country Tourer (‘station’ de tração integral), com níveis de equipamento que vão do Edition ao Innovation, passando por um Business Edition criado a pensar nas frotas de empresas. A gama é encimada pela versão GSi de altas ‘performances’.

O leque de motores abrange três opções a gasolina e quatro a gasóleo, com cilindradas que vão de 1,5 a 2,0 litros. As transmissões contemplam caixa manual de seis velocidades e caixas automáticas de seis e oito velocidades. Os propulsores mais potentes, a gasolina (260 cv) e turbodiesel (210 cv), surgem associados a uma inovadora transmissão Twinster 4×4 com vetorização de binário.

A nova geração Insignia é extremamente apelativa, tanto para utilizadores particulares como para clientes de frotas. Nesta vertente, destaca-se o prémio “Company Car Today CCT100” que o mais recente Opel recebeu no Reino Unido. O Insignia disponibiliza uma série de equipamentos avançados, inéditos ou pouco habituais neste segmento, tais como a tração integral Twinster, os faróis de matriz de LED IntelliLux, o programador de velocidade adaptativo com radar e os bancos certificados pela agência de especialistas em ergonomia AGR, para citar apenas alguns. O novo Opel garante custos de utilização moderados por comparação com os concorrentes de grande volume e ‘premium’.

Até hoje, nove em cada dez Insignia foram encomendados com o sistema de informação e entretenimento de topo, o IntelliLink Navi 900, com ecrã tátil de oito polegadas. Os sistemas IntelliLink são compatíveis com Apple CarPlay e Android Auto, permitindo a integração de várias funcionalidades de ‘smartphones’. Por seu turno, o OnStar possui um ‘hotspot’ Wi-Fi 4G/LTE ao qual podem ser ligados os telefones móveis para, por exemplo, fazerem ‘streaming’ de música[1].

A popularidade do novo Insignia no mercado encontra também reflexo no plano mediático. Entre os principais prémios recebidos contam-se os de “Volante de Ouro 2017” na Polónia (Auto Swiat) e na Eslovénia (Auto Bild), bem como os de “Best Car 2017” na Polónia (Fleet Auto Premium) e Fleet News of The Year na República Checa. (Fleet Magazine).

O Opel Insignia também foi posto à prova nas publicações da especialidade automóvel de toda a Europa, tendo enfrentado com sucesso todos os concorrentes diretos, e não só. De um total de 41 ensaios comparativos em que participou, o topo de gama da Opel venceu concludentemente em 24: quatro vitórias na Alemanha (Autostraßenverkehr 26 de julho e 20 de setembro, Auto Zeitung 26 de julho, Auto Bild 4 de agosto); três vitórias em Portugal (Auto Hoje 24 de agosto, Auto Foco 30 de novembro e 21 de dezembro), Holanda (AutoWeek 29/17 e ‘online’ 21 de julho, AutoVisie 6 de julho) e República Checa (auto.cz 29 de setembro, AutoTIP 2 de outubro, auto motor und sport 17 de outubro); duas vitórias na Bélgica (Le Moniteur Automobile 27 de novembro, AutoWereld 1 de dezembro), na Polónia (Auto Świat 10 e 17 de julho), na Suécia (Teknikens Värld 27 de agosto, Vi Bilägare janeiro 2018) e no Reino Unido (What Car? 4 de agosto, Auto Express 17 de janeiro); e uma vitória em França (caradisiac.com), Eslováquia (auto motor und sport 10 de outubro) e Noruega (Motor 4 de novembro).

 

[1] Os serviços OnStar requerem ativação e uma conta junto da OnStar Europe Ltd. Os serviços de ‘hotspot’ necessitam de conta junto do operador de telecomunicações associado. Há lugar a custos após expirarem os períodos de experimentação grátis.

Os comentários para esta postagem estão desativados.