gamobar-opel

Opel lança reedição do Corsa GT

• Opel Corsa retoma o espírito desportivo do carismático GT de há 30 anos;
• Equipamento de série completo, focado no posto de condução e no condutor;
• Na era digital: IntelliLink, Wi-Fi, Android Auto e Apple CarPlay.
Em vez de motor 1.3 de 70 cavalos, tem um 1.0 de 115 cv. Em vez de carburador, possui um sofisticado sistema de injeção direta e turbocompressor. No lugar de uma transmissão de quatro velocidades está uma de seis. As jantes crescem de 13 para 17 polegadas. A velocidade máxima aumenta de 162 para 195 km/h.

A média de consumo baixa de 6,6 para apenas 4,9 litros/100 km. E em vez de um rádio de gaveta com leitor de ‘cassettes’, surge um completo sistema de ligação digital com o exterior e uma série de avançadas funções de apoio à condução. As diferenças do novo Corsa GT para o antigo são substanciais, mas o espírito, de há 30 anos, é o mesmo, bem como o prazer de conduzir. Exatamente como o Corsa GT da década de 80, que tanto sucesso alcançou, o novo Corsa GT que a Opel lança em Portugal em janeiro de 2016, é um pequeno desportivo acessível, muito bem equipado, económico, com ‘performances’ de respeito e visual a condizer.

Tal como há 30 anos, o novo Opel Corsa GT está disponível em carroçaria de três portas mas, no que diz respeito a motores, a oferta alarga-se. Além do novo tricilíndrico 1.0 Turbo de injeção direta, com 115 cv de potência, é possível optar por um 1.4 Turbo com 150 cv ou ainda por um turbodiesel 1.3 CDTI com 95 cv.

Os comentários para esta postagem estão desativados.